Enxofre – Defensivo Contra Ácaros e Adubo Foliar

Hoje vim apresentar um dos melhores amigos das minhas pimenteiras: o enxofre.

Depois de muito lutar contra os ácaros com óleo de neem e sabão de côco, decidi procurar outro defensivo, porque esses só atenuavam o problema, mas não resolviam. Como eu já havia lido sobre o enxofre, fui atrás do que eu conhecia: o enxofre dimmy.

Enxofre Dimy - Acaricida e Fertilizante Foliar

Esse defensivo é considerado natural e é bem barato. Apesar de ter na embalagem apenas um saquinho de 30 gramas, ele rende horrores, porque usa-se muito pouco a cada diluição.

O enxofre é um defensivo que além de ter uma excelente ação acaricida, também atua como adubo foliar, porque ele é um micronutriente bastante importante, que melhora as defesas das plantas contra pragas e doenças, então o uso para combater os ácaros ainda ajuda a suprir eventuais deficiências.

Para comprar enxofre dimy visite a LOJA.

Como Preparar

Meus borrifadores são de 500ml, portanto utilizo a medida de uma colher de sobremesa rasa. Se o borrifador for de 1 litro use uma colher de sopa rasa.

Para preparar basta colocar o pó no borrifador, encher com água e misturar bem. Eu costumo usar um funil que tenho só para jardinagem e que facilita muito a vida. Ao colocar o pó através do funil deve-se tomar muito cuidado porque ele pode irritar os olhos e não deve ser inalado.

Enxofre Dimy - Acaricida e Fertilizante Foliar
Enxofre dimy

Além da opção mais simples, que é usar apenas o enxofre diluído em água, também pode-se utilizar associado a outros defensivos que tenham função aderente , como o sabão de côco ou o álcool. Eu costumo utilizar o enxofre diluído na água e acrescento três tampas de alho curtido no álcool, que, além de ter a função aderente por causa do álcool, também funciona como repelente em função do alho.

Como Usar

Quando há uma infestação nítida e já espalhada por algumas ou muitas folhas recomendo usar a cada dois dias na primeira e segunda semanas e nas semanas seguintes a cada três dias.

Quando as plantas já não tiverem mais nenhum sintoma e os brotos novos estiverem nascendo todos normais, sugiro usar uma vez a cada 15 dias ou uma vez por semana e isso pode ser mantido de forma constante como preventivo.

Usar direto uma vez por semana ou a cada 15 dias não é necessário, mas é uma opção minha e que recomendo para quem também cultiva plantas muito suscetíveis a ácaros como as pimentas, especialmente porque o enxofre não é apenas um defensivo, mas é um fertilizante foliar. Essa dupla ação faz com que ele seja benéfico para as plantas ao invés de ser apenas um defensivo contra pragas como a grande maioria. Quando se trata de outros casos, como o óleo de neem, sabão de côco, etc, eu não uso preventivamente, porém com o enxofre eu procuro manter essa prática.

Quando você for usar não se preocupe com as manchas brancas que ficam nas folhas, são resíduos do enxofre. Também não se preocupe se aos poucos as folhas mais afetadas e mais velhas da planta amarelarem e caírem, isso pode acontecer.

Ao usar o enxofre tome os mesmos cuidados que tomaria com qualquer outro defensivo: aplique sempre no fim do dia sem sol, não deixe a planta encharcada e com excesso de líquido nas folhas e só consuma depois de 5 dias da última aplicação. Além disso use somente a medida indicada. Não há muita margem para erro e se for feito forte demais o enxofre dimy pode danificar ou até matar a planta.

Para ler mais sobre pragas e defensivos, tirar dúvidas e aprender mais sobre jardinagem acesse o Blog SABERES do JARDIM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0
%d blogueiros gostam disto: